Rafaela

Toda espécie de estupidez tornou-se possível por causa de um simples erro. O erro é: enquanto você vive externamente, você tenta fazer com que a vida seja difícil para os outros; e quando você começa a se voltar para dentro, existe uma possibilidade de que a velha mente tentará fazer com que a sua vida seja difícil.

Se você está tentando fugir da morte, lembre-se, está fugindo também da vida; é por isso que você parece tão morto. Este é o paradoxo: fuja da morte e permanecerá morto; enfrente a morte e se tornará vivo. No momento em que você encara a morte tão
profunda e intensamente a ponto de sentir que está morrendo — toca e sente a morte não só por fora mas por dentro também — vem a crise.

Controlar é um pobre substituto da atenção.

O presente é somente uma linha divisória, nada mais. Não tem nenhum espaço, divide o passado e o futuro. Pode-se estar no presente mas não
se pode pensar; para pensar é necessário espaço. Os pensamentos são coisas sutis, são concretos; não são espirituais, pois a dimensão do espiritual só começa quando não existem pensamentos.

Se houver harmonia absoluta o jogo desaparecerá — com quem você iria jogar? E se houver discórdia completa, oposição absoluta, se não houver nenhuma harmonia, então o jogo também desaparecerá.

(Source: cineemphoto)